Nascida em Toronto (Canadá) e com apenas 24 anos, a fotógrafa Petra Collins já é um nome conhecido entre as pessoas que se interessam por moda e fotografia. Além de já ter trabalhado com marcas como Gucci, Adidas, Levi, Calvin Klein e revistas como Miss Vogue, Wonderland, ELLE, I-D Magazine, a canadense dirigiu videoclipes para artistas como Carly Rae Jepsen, Selena Gomez e é conhecida por seus retratos sonhadores mostrando a juventude, a sexualidade e a feminilidade, com muito uso de luz natural ou flashes de câmera, efeitos vintage e quase sem uso de programas de tratamento.

 

Petra conta ao site Fashionista que começou a fotografar por volta dos 15 anos pois sempre teve a necessidade de criar algum tipo de arte, e foi na fotografia que ela mais se identificou. Porém, como não possuía nenhum lugar para mostrar seu trabalho, criou o site The Ardorous aos 17-18 anos, uma plataforma para que artistas femininas possam mostrar seu trabalho, e ganhou atenção.

A partir disso, ela conta que a revista Rookie se interessou por seu trabalho devido à sua estética, que, de acordo com a fundadora Tavi Gevinson, seria o que o veículo estava procurando realizar. Depois disso, vieram a revista Vice, um financiamento da marca de roupas American Apparel para uma exposição de seus trabalhos, e uma camiseta em parceria com a marca, que gerou polêmicas.

A fotógrafa também é envolvida com as causas feministas, objetivando principalmente a autoestima e empoderamento, sem censura em relação ao corpo feminino. Ao site Into the Gloss, diz que começou a fotografar meninas quando estava na adolescência, época em que tinha certas inseguranças em relação ao corpo, por isso continuou com o tema: pois acha interessante documentar o crescimento e transição das jovens, e quer mostrar a versão real das meninas, deseja que elas não sintam a necessidade de mudar quem são.

“Fiquei realmente fascinada sobre o que acontece quando passamos pela puberdade, e por quê, uma vez entramos, tentamos voltar para a pré-adolescência. Foi algo que nunca havia pensado, mas apenas surgiu em minha cabeça – como se nós de repente tentássemos ocultar nossa forma e não falar sobre nossa menstruação. É estranho quando fingimos que ainda temos 12 anos, nem uma mulher or uma adulta, o que é confuso. E é a indústria, também, então é estranho que não haja nada escrito sobre esse fato natural que está acontecendo e estamos tentando mudar”, disse ao Into the Gloss.

Quanto aos mais recentes trabalhos, estão a escrita de um roteiro para um filme, juntamente com a cantora Selena Gomez, e a exposição “Pacifer” realizada em abril e maio no Canadá, em que Collins retrata sua família.


Confira um pouco mais de seu trabalho através do site oficial, do Instagram e do Twitter.